"Eu estou aqui para confundir, e não para explicar!" (Chacrinha)

domingo, 18 de novembro de 2012

16 - ALMA DE GATO - LENO - CÉSAR SAMPAIO - ODAIR JOSÉ - EDUARDO DUSEK


18 de novembro de 2012.

Alma de Gato

Leno


 

César Sampaio
 
Odair José




Eduardo Dusek


MÚSICA BREGA NO MATO GROSSO
 
 

Do extremo sul do Brasil, onde visitamos o Rio Grande do Gaúcho da Fronteira, vamos agora para o centro-oeste do país, mais especificamente para o Mato Grosso, conhecer e ouvir os talentosos rapazes do grupo vocal  ALMA DE GATO. O grupo se formou em 2004 em Cuiabá, e desde então nunca mais parou, sempre cantando à capela e sempre de forma irreverente.  Também veremos alguns cantores sensacionais, e bregas! Com muito orgulho. Todos eles homenageados pelo grupo mato-grossense, no ultimo video deste post. 



Clique aqui e escolha a sua no Site TonyGifsJavas.com.br

 
 

ALMA DE GATO CANTA FERNANDO MENDES

Para começar, vamos ver um vídeo dos cuiabanos do Alma de Gato interpretando num pot-pourri músicas do nosso príncipe da musica brega: o excelente FERNANDO MENDES. Para quem quiser matar saudades do cantor mineiro, confira neste blog uma postagem com suas principais canções: http://cafonalia.blogspot.com.br/2012/03/02-fernando-mendes.html.
O pot-pourri ainda termina com José Augusto
 
 
Alma de Gato
 
 
LENO - "A POBREZA"
 

Gileno Osório Wanderley de Azevedo, ou simplesmente Leno, nasceu em Natal-RN, em 1949, e  é um decano da Jovem Guarda. Formou nos anos 60 uma dupla com sua irmã: Lilian e Leno. Nos anos 70 e 80 os dois mantiveram carreira solo, mas frequentemente resgatavam a parceria.  "A Pobreza" é um dos grandes clássicos do repertório brega que surgiu no período final da Jovem Guarda e que se consagrou nos anos 70. O dramalhão do "rapaz pobre" é de fazer chorar...
 
 

Leno
 
 
CÉSAR SAMPAIO - "SECRETÁRIA DA BEIRA DO CAIS".
 
César Sampaio nasceu no Rio de Janeiro, e sua música "Secretária da beira do cais", de 1975, se insere , sem dúvida, entre os maiores clássicos da geração brega 70. O cantor ainda fez sucesso na América Latina, ganhando vários discos de ouro aqui e no exterior. Esta canção é sobre uma garota de programa que vai visitar a família e que "num instante se torna a 'mocinha do interior', num alguém com a 'pureza' de quem nunca teve um amor". Ela ainda conta ao pai que "é muito feliz na vida que traz, e que trabalha como 'secretária' da beira do cais". A fina ironia da música brega... 
 
 
 
César Sampaio
 
 
ODAIR JOSÉ - "PÍLULA" E "DEIXE ESSA VERGONHA DE LADO".
 
O goiano Odair José talvez seja o principal nome da música brega, ou pelo menos o que mais "levou a fama" do estilo. Sua música mais famosa, conhecida pelo refrão "Pare de tomar a pílula", foi batizada originalmente de "Uma vida só". E "Deixe essa vergonha de lado" também é conhecida como o "Hino das empregadas domésticas". Odair já ganhou uma postagem neste blog e vocês podem conferir aqui: 
 
 
 
Odair José
 
 
EDUARDO DUSEK - "BREGA-CHIQUE". 
 
Nascido no Rio de Janeiro em 1957, Eduardo Dusek iniciou sua carreira em meados dos anos 70 como pianista e compositor, e no final da década já tinha várias composições suas gravadas por grandes nomes da MPB. O sucesso veio no início dos anos 80, quando cantou músicas escrachadas como o "Rock da cachorra" e "Brega-chique", mais conhecida como "Doméstica". Aliás, esta música é de interesse total deste blog, a começar pelo título.  
 
Eduardo Dusek
 
 
ALMA DE GATO - "POT-POURRI BREGA". 
 
E por último, vamos rever o ótimo ALMA DE GATO, com outro pot-pourri, utilizando canções já mostradas nesta postagem: "A pobreza" de Leno, "Secretária da beira do cais" de  César Sampaio, "Deixe essa vergonha de lado" de Odair José e "Brega-chique" de Eduardo Dusek.
 
 
Alma de Gato
 
 
 
 
Clique aqui e escolha a sua no Site TonyGifsJavas.com.br
 
 
 
 
O ALMA DE GATO é um grupo que foi "ungido" pelo bom gosto nacional em 2011, quando conquistou o 1° lugar no I Concurso Nacional de Arranjos Vocais, que aconteceu no Rio de Janeiro. Só para se ter a importância do evento, o júri era formado por cantores dos mais importantes grupos musicais de MPB, como Magro Waghabi (MPB4), Zé Renato (Boca Livre), Paulinho Malaguti Pauleira (Céu da Boca), Monica Thiele (Vésper Vocal), Marcelo Caldi, André Protasio e Crismarie Hackenberg (BR6) e Regina Lucatto (Garganta Profunda). Nem por isso, o grupo deixa de lado os compositores bregas para seguir os medalhões da MPB. Já fizeram show com músicas de Chico Buarque, mas este ano, por exemplo, fazem um show apenas com músicas de Roberto Carlos. Com isso, o grupo mostra que o repertório brega pode estar lado a lado com o repertório chic de MPB.
 
Como se vê, o Brasil, de cabo a rabo, vem caindo de quatro pela música brega, do Arroio ao Chuí, da Bahia ao Mato Grosso. Talvez não esteja longe o dia em que chic mesmo no Brasil será o brega. Quem viver verá!!!
 
Saudações Cafônicas!
 
 
Kid Cafona.
 
 
 
 
Postado em 18 de novembro de 2012.
 
 
  
 danca_014.gif
  

2 comentários:

  1. Ola que tal uma parceria com a radio Bau do brega entra encontato conosco -->> email: thblack@ig.com.br site http://baudobrega.sk7.org

    ResponderExcluir
  2. REALMENTE GOSTEI DO SEU BLOG, FALA DE MUITOS ARTISTAS QUE SOU FÃ, EU MESMO DETESTO ESSA LINGUAGEM BREGA OU CAFONA QUE É JOGADA PELA GRANDE PARTE DOS INTELECTUAIS DA MPB, COM OS CANTORES DE CUNHO MAIS POPULAR, POIS PRA MIM MUSICA CAFONA É AQUELA QUE FALA DE PORNOGRAFIA O QUE OCORRE ATUALMENTE PRINCIPALMENTE COM O FUNK, FORRÓ ELETRÔNICO,ESSE SERTANEJO UNIVERSITÁRIO E O AXÉ MUSIC ATUAL QUE PERDE MUITO QUANDO ENTRA COM LETRAS PORNOGRÁFICAS OU DE ALIENAÇÃO E DE DISCRIMINAÇÃO DAS MULHERES, DESDE JÁ PEÇO DESCULPAS POR ESSA MINHA COLOCAÇÃO E OPINIÃO MAIS É A MINHA VISÃO D]QUE ACHA ESSA COLOCAÇÃO DE BREGA OU CAFONA EM DETERMINADOS CANTORES ANTIGOS POR QUE ELES TERMINARAM FAZENDO SUCESSOS E SENDO MAIS QUERIDOS DO QUE MUITOS ARTISTAS DITO DA MPB OBG E VALEU BOM DIA.

    ResponderExcluir